1.ª DIVISÃO DISTRITAL»» Monte Cap. 0 Alfarim 3 - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

19 de abril de 2015

1.ª DIVISÃO DISTRITAL»» Monte Cap. 0 Alfarim 3

Alfarim confirma excelente momento de forma…

Monte de Caparica volta a ser surpreendido em casa pela mesma marca

O Alfarim alcançou um dos resultados mais surpreendentes da 24.ª jornada do campeonato distrital da 1.ª divisão ao derrotar no Campo Rocha Lobo o Monte de Caparica por três bolas a zero.

Com a vitória alcançada a equipa agora orientada por Ricardo Dias manteve [em parceria com o U. Santiago] o quarto lugar da tabela classificativa com quatro pontos de vantagem sobre o seu mais directo perseguidor [Com. Indústria].

O resultado vem confirmar o excelente momento de forma da equipa de Alfarim que está de facto a fazer um campeonato muito bom e ao mesmo tempo revela uma fase menos boa da equipa do Monte de Caparica que sofreu em casa a segunda derrota consecutiva, curiosamente pela mesma marca (0-3). De registar, contudo, que nesta partida a equipa visitada jogou desfalcada de alguns dos seus habituais titulares.

As duas equipas entraram determinadas em jogar para ganhar e na verdade foram várias as oportunidades de golo para ambos os lados. No aspecto da finalização esteve melhor o Alfarim que foi para o intervalo a ganhar por 1-0 com um golo de Mantorras.

Na segunda parte o Monte de Caparica não esteve tão bem e o Alfarim aproveitou para marcar mais dois golos por intermédio de Fábio Nunes (68’) e Bolacha (85’) sendo este último de penalti.

Na próxima jornada o Alfarim recebe o Olímpico do Montijo e o Monte de Caparica desloca-se ao Pragal para defrontar o Almada, em mais um dérbi do concelho.


A OPINIÃO DOS TREINADORES:

JOSÉ MEIRELES, treinador do Monte de Caparica:

Foi um resultado muito pesado para aquilo que se passou em campo”


“Foi um resultado muito pesado para aquilo que se passou durante os noventa minutos. Aceito a derrota muito por causa da ineficácia do meu ataque e pela fragilidade da minha defesa. Há dias em que tudo corre mal a uns e bem a outros. O nosso adversário quando facilitou não soubemos aproveitar e nós quando facilitámos o nosso adversário aproveitou. Só por isso mereceu a vitória mas insisto em dizer que por números exagerados”.


RICARDO DIAS, treinador do Alfarim:

“O Alfarim foi um justo vencedor”
 
“As duas equipas entraram com vontade de ganhar o jogo e a primeira oportunidade pertenceu ao Alfarim com o Ivo a não conseguir concretizar. Eles, logo a seguir também têm uma boa ocasião atirando à trave mas depois, passados três ou quatro minutos, o Mantorras faz o 0-1, eles reagiram e durante alguns minutos mandaram no jogo obrigando também o nosso guarda-redes a fazer uma boa defesa. Nós voltámos a equilibrar mas até ao intervalo a melhor oportunidade voltou a ser deles valendo novamente o nosso guarda-redes. Fomos para o intervalo a ganhar por 1-0 mas se calhar nesta altura o resultado mais certo seria o empate. Na segunda parte entrámos bem e controlámos praticamente sempre. Estávamos muito fortes, fizemos o 2-0 e ainda antes de fazer o terceiro desperdiçámos mais duas boas ocasiões. Portanto, foi um jogo um justo vencedor”.  



FICHA DO JOGO

Jogo no Campo Rocha Lobo, no Monte de Caparica
ÁRBITRO: Tatiana Martins (Núcleo de Almada / Seixal)

MONTE DE CAPARICA: Contradança; João (Flora, 40’), Pedro, Aguilar, Heta (Galo, 60’); Austrelino, Cruz, Miguel (Henrique, 65’); Lino, José João e Fábio.
TREINADOR: José Meireles

ALFARIM: Sérgio Mata; Tiago Veríssimo, Paulo Vítor, Elson, António Pires; Dinis, Fábio Nunes (Santola, 65’), Bolacha (Folques, 86’); Miguel Flor, Mantorras e Ivo (André Pinto, 67’)  
TREINADOR: Ricardo Dias

Ao intervalo: 0-1
Marcador: 0-1, Mantorras (20’); 0-2, Fábio Nunes (68’); 0-3, Bolacha (85’) gp


Post Bottom Ad

Responsive Ads Here