2.ª DIVISÃO DISTRITAL»» Pescadores 3 Alcacerense 0 - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

27 de abril de 2015

2.ª DIVISÃO DISTRITAL»» Pescadores 3 Alcacerense 0

Pescadores tiveram a tarefa mais facilitada…

ALCACERENSE APRESENTOU-SE SEM JOGADORES SUPLENTES


Os Pescadores da Caparica venceram o Atlético Alcacerense por três bolas a zero em jogo referente à 9.ª jornada da segunda fase do Campeonato Distrital da 2.ª Divisão ficando assim mais perto do seu objectivo.

A vitória não merece qualquer tipo de contestação mas o resultado poderia ter sido bem diferente se os jogadores caparicanos não tivessem desperdiçado algumas boas ocasiões sobretudo na primeira parte já que na segunda o ritmo de jogo baixou imenso devido muito provavelmente às alterações introduzidas na equipa por Jorge Amaral.

A equipa de Alcácer do Sal apresentou-se algo debilitada porque só conseguiu reunir para esta partida onze jogadores; ou seja, apresentou-se sem jogadores suplentes, facto que de certa forma beneficiou a equipa da Costa de Caparica que entrou no jogo a dominar mas só conseguiu marcar aos 39 minutos devido à boa réplica dada pelo adversário que até chegou a atirar uma bola à barra, na cobrança de um livre. Mesmo sobre a hora para o intervalo os Pescadores aumentaram para 2-0 e o jogo ficou praticamente decidido.

Ao intervalo Jorge Amaral mexeu na sua equipa que dilatou o marcador para 3-0 mas depois tirou o pé do acelerador e isso facilitou um pouco a missão dos jogadores do Alcacerense que conseguiram chegar ao fim sem sofrer mais golos fruto de uma grande entreajuda dos seus jogadores que fizeram um esforço enorme pelo facto de não haver jogadores para substituir.

Na próxima jornada a equipa da Costa de Caparica desloca-se a Paio Pires e o Atlético Alcacerense recebe o Estrela de Santo André.  


A OPINIÃO DOS TREINADORES 


JORGE AMARAL, treinador dos Pescadores:

“Na segunda parte jogámos em velocidade de cruzeiro”

“Entrámos no jogo a dominar com o objectivo de chegar ao golo o mais depressa possível para depois fazermos um jogo mais tranquilo. Queríamos não só ganhar o jogo como também fazer uma boa exibição para ganharmos mais confiança e podermos ficar mais perto dos nossos objectivos. Como disse, entrámos bem mas falhámos imensas oportunidades nos primeiros 30 minutos. Depois chegámos ao golo com naturalidade e logo a seguir fizemos o segundo já muito perto do intervalo e isso deu para fazer duas substituições para podermos ver em acção outros jogadores que têm vindo a ser menos utilizados. Na realidade não ganhámos nada ainda. Foi essa a mensagem que tentámos passar aos jogadores mas a verdade é que a segunda parte foi muito mais tranquila. Gostaria que não tivessem baixado o ritmo mas infelizmente foi isso que aconteceu porque jogámos em velocidade de cruzeiro. De qualquer forma, foi bom ver em acção alguns jogadores que têm jogado pouco para ficarmos com a ideia do que podem render no futuro”.

   

SANDRO MENDES, treinador do Alcacerense:

“A nossa estratégia passava por enervar o adversário”


“Tivemos alguma dificuldade em construir a equipa. Conseguimos arranjar dez jogadores de campo mas alguns tiveram que jogar fora das suas posições. A estratégia que traçámos para este jogo passava por tentar enervar os Pescadores e a verdade é que conseguimos até ao golo. Demos a iniciativa ao adversário para tentarmos sair em transições e numa delas ganhámos um livre, atirando à trave. Depois caíram por terra as nossas intenções porque o Costa de Caparica chegou ao golo e logo a seguir fez o 2-0, resultado com que se atingiu o intervalo. Na segunda parte, como não tínhamos jogadores para substituir e grande parte dos que estavam a jogar não tinham treinado durante a semana, o objectivo passava por segurar o jogo para não sermos goleados e acabámos por conseguir porque estivemos bem a nível defensivo. Os jogadores acabam por estar de parabéns pelo esforço e pela entrega enorme que tiveram. Foi pena não termos marcado numa segunda bola que atirámos à trave. Seria um justo prémio para os jogadores. De qualquer forma, reconheço que não tivemos argumentos para discutir o jogo”. 


FICHA DO JOGO

Jogo no Campo dos Pescadores, na Costa de Caparica
ÁRBITRO: Miguel Martins (Setúbal)

PESCADORES: Hernâni; Benja, Gomes, Palma (Roger, 63’), Diego; Forby (Eddi, 58’), Bala (Rodrigo, 68’), Carlos Carvalho; Dany (Igor, 45’), Semedo (Rafa, 45’) e Romário.
TREINADOR: Jorge Amaral


ALCACERENSE: Alex; Bruno, Nuno, Zé Figueira, Loirant; Xavier, Sandro, Marcelo; Pato, Caixas e Vítor.
TREINADOR: Sandro Mendes

Ao intervalo: 2-0
Marcadores: 1-0, Diego (39’); 2-0, Dany (45’); 3-0, Bala (55’)

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here